Português | English

Cartas

TRAÍDA E MAGOADA ATÉ À MORTE!

TRAÍDA E MAGOADA ATÉ À MORTE!

 

 

 

 

 

 

 

----- Original Message -----

From: TRAÍDA E MAGOADA ATÉ À MORTE!

To: contato@caiofabio.com

Sent: Friday, August 15, 2008 10:36 AM

Subject: Socorro pelo amor de Deus!

 

 

Querido Caio,



Preciso da tua ajuda...

Estou diante de uma situação muito difícil na minha vida... Descobri na sexta-feira passada que meu marido me traiu... Fui abaixar umas fotos do celular dele que tirei de mim e minha filha e as fotos da mulher com quem ele transou estavam lá...

Perdi meu chão!

Estou casada há 13 anos... Nos últimos cinco anos, estou passando por momentos difíceis...
Minha mãe morreu... Tive uma depressão muito forte... Em fim, com a ajuda de Deus consegui superar...

Meu marido sempre muito "crente"... Totalmente moralista... Sempre o vi como um "homem de Deus"...

Casei muito nova com ele... Tinha dezoito anos na época... Temos uma filha linda de dez para onze anos! Uma princezinha de Deus nas
nossas vidas!

Pastor, aonde eu errei?!

Sou uma mulher muito bonita... Trabalho fora... Sou instruída...

Sempre tomei tanto cuidado em relação a nossa vida íntima...

Apesar de ele ser moralista, sempre o tratei muito bem na cama... Fazia de
tudo para agradá-lo e sentir prazer também!

 

Tenho 32 anos!

Sempre fiz surpresas... Comprava langerie nova... Realizava as fantasias
dele... Saíamos.... Em fim, não sei aonde falhei!

Me diz: O que leva um homem tão de "Deus" a fazer isso?!

As fotos vieram cair na minha mão...

Eu estava percebendo ele diferente a um tempo... O chamava para
conversar... E ele só fugindo...
Não estava me procurando sexualmente... Percebi algo de errado...

Aliás, ele nunca foi de muito diálogo comigo... Sempre o cobrei isso!

Caio, caiu como uma bomba...
Tô mal... Até quando respiro me dói...
Ele sempre se mostrou um homem de "Deus"!
E nós não somos nada!

Ele diz que tirou as fotos, mas apagou... Se arrependeu!


Só que elas ficaram gravadas na memória do celular! Ele não pensou nisso!
E aí quando abaixei o programa para abaixar a fotos... BOMBA!

Preciso do seu conselho: O que faço?
O que sinto por ele parece que morreu naquele instante...


Tô ferida! Dói muito! Tô oca por dentro!
Será que morreu porque nunca existiu de verdade? O que é isso Pastor?

Me ajuda! Me dê uma luz... O que faço?


Não vou continuar com um homem que não confio mais... Sou Humana! Não
sou uma "mulher de Deus"... Não sou nada!
Fora que não sei mais o que sinto por ele...
Não vou ficar com alguém por aparência, por família, por filho, por "Igreja"...

Quero ficar com um homem que me faça sentir amada, desejada... Por amor!

E eu não sei se o amo mais... Ou será que nunca o amei?!


Isso tudo me faz pensar se era amor mesmo o que sentíamos um pelo outro...

Ele chora amargamente... Diz que me ama, etc, etc...

 

E acho um absurdo falar que isso tudo aconteceu porque estava "afastado
de Deus"! Que foi coisa do diabo!? Coitado do diabo! E o nosso livre arbítrio, onde fica?

Posso estar até errada... Mas as pessoas de "Igreja" erram e jogam a culpa no diabo!


Pelo amor de Deus!

A minha filha está muito triste também... Chora bastante! Tenho conversado muito com ela. É uma situação difícil...

Casei "certinha", na Assembléia de
Deus, virgem, tudo dentro dos conformes... Sou do meu marido esse tempo todo... Nunca beijei ou provei outra boca... Sempre ali... Fiel! E acontece isso comigo! Aonde errei?!


Meu Deus, como estou mal! Me sentindo uma bosta como mulher, esposa, companheira, amante...



O Pastor que fez o meu casamento, que há DEZ ANOS não fala comigo, pois nunca quis saber como estou... — agora me manda um e-mail mandando eu perdoar o meu marido!

Que insanidade... O perdão não tem nada a ver se vou continuar com ele ou não! Estou errada? Me diga?

Meu marido está lá em casa dormindo em outro quarto desde o acontecido... Fechei-me para ele... Estou  esperando a poeira abaixar  para tomar uma decisão...

Ajuda-me! Qual a melhor decisão a tomar?


Obrigada por me ouvir.

Admiro muito o senhor, Pastor Caio!

Ajuda-me!

Não tenho com quem conversar.

Obrigada!

___________________________________

Resposta:

 

 

Minha amiga querida: Graça e Paz!

 

 

Sinto muito por você, por ele e pela sua filhinha; pois, afinal, uma experiência dessa natureza, e que se manifesta de tal forma, como foi o caso, sempre vem carregada das forças dos piores lutos, enfartando-nos de sentimentos de falência e morte.

 

Hoje não lhe é possível e ver e sentir de outro modo, a não ser como você sente agora. No entanto, com a Graça de Deus, você haverá de enxergar o amor em você e nele; e, além disso, recobrará as forças para não apenas perdoá-lo como homem, mas, quem sabe, como marido; e, em tal caso, você também conseguirá, com a Graça de Deus operando no tempo, esquecer emocionalmente da facada de agora, e, assim, olhar para ele de modo renovado.

 

No entanto, tudo isto leva tempo e demanda muita sabedoria e paciência, especialmente com você mesma, e com os processos de dor, tristeza e depressão que frequentemente se fazem associar a tais estados e estações de angustia e surpresa perversa.

 

Não fique se cobrando de nada. Apenas espere e confie no bem que se oculta sob o manto da presente tristeza. Sim! Pois há um bem oculto em tudo isto; e que, com o tempo, haverá de ser revelado.

 

Pode ser que a presente catástrofe esteja salvando você, que é ainda tão jovem, de, pela insatisfação crescente, pudesse vir a fazer o mesmo; o que, para você, creia, seria infinitamente pior.

 

Não conheço vocês, mas creio que pela reação dele, não apenas ele está arrependido de ter feito essa burrice, mas, sobretudo, sei que a angustia dele também advém do fato de ele saber que ama você; e, assim, sofre pelo pânico de perder você, bem de ficar privado da harmonia da família.

 

Leia aqui no site tudo o que você encontrar sobre o tema. Entre no sistema de Busca na página inicial e escreva as palavras que você desejar pesquisar, e, assim, leia tudo.

 

No entanto, evite as brigas e as gritarias. Além disso, não o humilhe. Sim! Não o desanque e nem o faça mais arruinado do que ele já está, por mais que você esteja magoada.

 

Você perguntou o que leva um homem tão de Deus a fazer isto. Ora, ele é apenas um homem, e, além disso, todo homem, por mais que seja de Deus, não deixa de ser homem, e, portanto, suscetível a tentações e pecados.

 

Entretanto, o simples fato de ele ser também “moralista”, já denuncia em si o sintoma da aflição dele em tal área, muitas vezes em razão da doutrinação moralista da igreja.

 

Quando ele encontrar o caminho da Graça de Deus conforme a leveza e simplicidade do Evangelho, tudo isto desaparecerá e dará lugar à pacificação da consciência, a qual se fará acompanhar de muita serenidade em todas as áreas da vida dele.

 

Não se arrependa de ter sido boa e fiel. Sim! Pois em horas assim a pessoa vive a Síndrome de Asafe, conforme o Salmo 73. Leia e você entenderá.

 

Saiba:

 

A dor que você sente é inominável, mas ainda é a dor do digno. A dor dele, porém, não se faz acompanhar de nenhuma dignidade, e, por isto, pode se transformar em uma dor de natureza suicida em seus contornos, fazendo com que ele se console no mal.

 

Sobre o diabo, creia:

 

Todo homem é responsável por tudo o que faz e por ser quem é ou se torna, e, nem por causa disso, o diabo deixa de ter seu papel oportunista ou potencializador do mal em quase todos os episódios da existência humana.

 

Afinal, o homem é livre, e, além disso, o diabo também é livre para ser diabo, pelo menos ainda.

 

Apareça domingo que vem no La Salle e me procure a fim de marcarmos uma conversa.

 

Recebe meu carinho e minhas orações em seu favor e de sua casa.

 

 

Nele, que perdoa as nossas traições, mas é tão bom que nos deixa livres até para não vivermos mais com quem nos traiu, conforme Jesus ensinou, porém sempre com perdão,

 

 

 

 

Caio

15 de agosto de 2008

Lago Norte

Brasília

DF