Português | English

Cartas

SOU DE JESUS, MAS DESDE QUE ME ENTENDO EU SOU GAY

SOU DE JESUS, MAS DESDE QUE ME ENTENDO EU SOU GAY

-----Original Message----- From: SOU DE JESUS, MAS DESDE QUE ME ENTENDO EU SOU GAY To: contato@caiofabio.com Subject: ESTOU DESESPERADO... Mensagem: Caio, É com muita angustia e sofrimento que venho ate aqui falar contigo. Sou convertido há 9 anos, e tive experiências únicas com Jesus; porém carrego um fardo, que mesmo com essas experiências, e talvez principalmente por causa delas, se agravaram em mim. Tenho duvidas sobre minha salvação, sobre Deus, e todas essas leis que regem aqueles que seguem a Cristo. Tenho 28 anos, e desde que me lembro, ou seja desde minha mais remota memória, sinto-me sexualmente atraído por homens. Bem, não digo sexualmente, pois não há o fardo sexual quando se tem 5, 6, 7 anos. Mas sempre ouvi, minha vida inteira, de todos que me rodeavam, maldiçoes deste tipo: “É um viadinho”...e por ai vai! Depois de muita luta consegui mudar meu comportamento, de forma a disfarçar por completo o que eu era; ou seja: hoje não há como alguém perceber. Porém, nunca me senti sexualmente atraído por mulheres! Não sei qual sua a visão a este respeito; já conversei com pastores, e foi um desastre! Primeiro porque o homossexualismo é visto como uma opção, uma safadeza...ou seja: você é porque quer; como se houvesse um botãozinho que você aperta, e muda tudo! Bom, não é assim... Imagine você sendo um heterosexual, e de repente o mundo, Jesus, alguém, vir e dizer que isto é errado, que você vai pro inferno... Você conseguiria mudar sua sexualidade do dia pra noite, ou algum dia?? Vc consegue se imaginar...? somente pelo seu desejo de mudar , deixar de gostar de mulher, e passar a se relacionar com homens?? Acredito que nao! E este é o meu dilema: o que fazer? Certamente para mim, minha melhor amiga seria a morte; é com ela com quem sonho em me deitar! Oro, busco a Deus, e nunca há uma luz a respeito. Não me sinto rejeitado por Deus; pelo contrário, ele sempre está comigo; mas em se tratando deste assunto, sempre há silencio! Então, toda minha relação com Jesus se relativiza...eu coloco em observação. Por que o silencio? Não imagino um futuro pra mim... Todos me cobram um casamento, principalmente porque não passo desapercebido; já enfrentei a ira de varias mulheres por me afastar delas, sabendo eu que não poderia ir a frente com o relacionamento... Não me relacionava sexualmente com elas até o fim; e isso desencadeou um tipo de ira feminina que nunca mais espero vivenciar! Não entendo o por quê de haver pessoas como eu! Certamente se isso que acontece comigo é com total autorização de Deus. Ele permitiu que eu fosse ferido e atingido dessa forma... Nenhum fio de cabelo nos é tocado sem permissão de Deus. Ou seja, parece uma brincadeira de mal gosto, é uma força com a qual nao posso lutar, poruque não há como vencer... Eu sei que em Jesus tudo podemos; está lá em Romanos 8.37; mas, nessa área, não houve transformação; e me sinto sempre sozinho... Passei de uma pessoa comunicativa à quase um monge. Não falo com as pessoas na rua, não saio, não namoro, tô esperando a morte chegar...e não sei o que fazer. Já me exorcizaram, oraram, e todo tipo de humilhação que um ser humano pode sofrer por isso, eu sofri; atá mesmo dentro da casa de Deus! Já procurei muito na Bíblia. Jesus cura tudo: doenças, maldições, cegos, coxos, endemoninhados...mas não há uma única passagem a respeito de homossexuais ou de mudança de inclinação sexual. Até vejo casos de moderação, mas sempre dentro da tendência sexual da pessoa. No mais, vejo apenas já famosa condenação do Novo Testamento aos efeminados. Estranho Jesus não ter topado com um tipo assim, já que Ele sempre estava no meio dos que eram excluídos pela sociedade, como prostitutas e ladrões; principalmente naquela época; Ele deve ter topado com alguém assim; por que, então, isso não foi documentado pelos apóstolos? Que coisa é essa? O que é isso Jesus? Estou em total desespero, até mesmo porque não tenho mais forças...estou no fim, e ninguém, nem mesmo Deus, diz nada a respeito!! Os gays, a maioria permanece assim, porque eles não têm idéia de como mudar sua condição; especialmente o porque não entendem o por quê de Deus ter permitido tal mutilação ou deficiência essencial! Lembro-me do cego de João 9. Aquela “condição” não era pelos pecados de seus pais ou maldiçoes, mas para gloria de Deus; e foi curado! Não creio ser este o caso; até mesmo porque eu jamais sairia por aí dizendo que era gay, e que fui curado! Pra quê? Já fui linchado minha vida toda...será que tenho que passar o resto dela também assim? Caio, por favor se você tiver uma luz pra isso, me ajude, pois estou desesperado; não sei mais pra quem correr! Te agradeço desde já! _____________________________________________________ Resposta: Meu amado irmão: Graça e Paz! O tema acerca de gays, homossexualismo, assexualidade, e outras coisas relacionadas a situações do gênero, estão amplamente expostas aqui no site. Apenas para eu não repetir a você o que já disse inúmeras vezes, peço que você vá até Cartas—aqui no site—e escreva as palavras que lhe interessam, e clique. O site vai mostrar a você todas as resposta onde o tema foi tratado. Ora, isto posto, eu quero falar com você acerca de outra coisa, bem mais grave: seu processo de adoecimento psicológico em razão de sua auto-visão e dos rigores com os quais o “seu deus” trata você, em sua consciência. Assumindo que você lerá os textos que lhe indiquei, quero deixar com você algo sério, portanto, o que lhe direi, que seja de mim cobrado, diante de Deus, se eu estiver induzindo você ao erro. Eu sei que não estou, e em mim dá testemunho a Palavra e o Espírito: 1. Você é de Jesus. Vai pro céu. Está salvo. É meu irmão. É filho de Deus. Jesus é seu Sumo-sacerdote. Está tudo pago. Afinal, você não é uma surpresa para Deus. O Cordeiro de Deus foi imolado por você “antes da fundação do mundo”. Então, meu amado irmão, creia e descanse. 2. As causas da homossexualidade são complexas. Vão de possíveis alterações genéticas à condicionamentos psicológicos; vão desde questões de natureza essencial—como é o seu caso—à opção viciosa, que também existe. Quando o N.T.—em Paulo e no Apocalipse—fazem referencia a que não herdarão o reino dos céus os que tais coisas praticam, a referencia era ao extremo; ou seja: à opção consciente pelo sexo como perversão e maldade. Assim também com relação aos adúlteros, feiticeiros e até “covardes” ou “tímidos”, conforme lá se diz. Portanto, se está falando de outra coisa, bem diferente. 3. Vá em Artigos e leia “A Graça e a Libertação das Taras Humanas”; leia também outros textos. Neles você vai descobrir que sua salvação é eterna, e não está sujeita a você mesmo. É o Evangelho que é a Boa Nova para você; não é você que é uma Boa Nova para o Evangelho. Inverter essa ordem—que é a ordem natural da religião sem Graça e que se gloria na Lei e na Moral—é o inferno dos crentes; só que a maioria ainda não descobriu que apesar de se confessar salva, vive, de fato, no inferno. 4. A sua questão de por que Jesus não “topou com um cara como você”, ou de por que não houve documentação de tal encontro, no caso de ter havido, é interessante e importante. Veja, os evangelhos ou mesmo toda a Escritura, também não nos dizem nada sobre alguém ter passado a desejar uma pessoa de quem nunca gostou, sexualmente falando, é claro. Tenho dito insistentemente aqui no site que esse departamento Deus deixou para o homem, para a alma...Essas coisas que são da essência do ser, seja por serem congênitas ou psicologicamente arraigadas, não são mencionadas como objeto de intervenções súbitas. Elas são completamente singulares, e demandam processo e auto-percepção. E, sobretudo, descanso na Graça de Deus. Por último, eu quero dizer que Jesus "topou" com essas situações sim. Ele apenas as tratou do único modo que eles têm que ser tratadas e no único ambiente: o modo é o amor misericórdioso, que tira a culpa; e o ambiente é o secreto, é o coração. Ele não esmaga a cana quebrada, e nem apaga a torcida que fumega. 5. A “igreja” nunca estará pronta para lidar com essas questões, pois, tais fatos da realidade, quebram as espinha dorsal das certezas e das vendas de cura da “igreja”. A “igreja” não tem humildade para lidar com o “silêncio”, com o “mistério”, como inexplicável. Então, se for bom, é de Deus; se for mal, é do diabo. Assim é o “mundo” da “igreja”. Ora, as coisas da vida, num mundo caído, não são assim: bem e mal se permeiam...morte e vida andam juntas...poder e fraqueza são sócios...terceiro céu e espinho na carne não se separam. 6. Não se explique para ninguém. Vá à igreja que lhe agradar, faça amizades, mas não tente se explicar. Não dará certo enquanto os crentes engolirem camelo e coarem mosquitos; e enquanto não souberem fazer a diferença entre um pervertido maligno, e um ser humano sofrendo de um espinho na carne...desde sempre. Concluindo, repito, leia tudo o que você achar aqui, medite, acalme o coração, e me escreva outra vez. Receba meu carinho e orações. Nele, que nos fez irmãos, Caio