Português | English

Cartas

PRECISO DESPEJAR ISSO FORA DE MIM...

PRECISO DESPEJAR ISSO FORA DE MIM...

-----Original Message----- From: PRECISO DESPEJAR ISSO FORA DE MIM... Sent: terça-feira, 13 de janeiro de 2004 12:43 To: contato@caiofabio.com Subject: CONFISSÃO Mensagem: Pastor, Soube do Site 15 dias atrás. Achei excelente e me chamou atenção a seção de cartas. Atenção por 2 motivos : um é por ser um espaço maravilhoso de compartilhar, aprender e orar. Outro é por ver que muitas vezes as pessoas precisam recorrer a você , via e-mail, para ter um aconselhamento e uma "luz" que poderiam ter em suas igrejas e com seus pastores. Infelizmente isso acontece comigo também. Não tenho a confiança em me abrir com meus pastores. Um pouco por vergonha, um pouco por medo de me sentir exposto, e principalmente por que se "vaza" um monte de assuntos da liderança da igreja; por que o meu ficaria em sigilo? Mas eu confio em você , pois uma pessoa que sofreu muito e se despe da fantasia de santo, pode me entender. Confio em sua confidencialidade. Sou escravo de um quarteto muito perigoso : 1- Insegurança : um medo extremo de perder as coisas e pessoas que me são valiosas , emprego , etc. 2- Ganância: quanto mais tenho, mais quero. Quanto mais ganho, mais gasto com coisas fúteis. Fico elevado pelo ter, pelo consumir , pelo status de ter o melhor que os outros. Às vezes cheguei até usei de maneiras escusas para obter dinheiro - e o pior de tudo, é que eu não precisava de dinheiro. Arrisquei um emprego maravilhoso por isso. Deus foi misericordioso e me protegeu. As vezes beira a cleptomania. 3- Mulheres : nunca traí fisicamente, mas muito mentalmente. Seja em sonhos , seja em pensamentos propositais, seja em olhares ( não apenas 1 olhar , mas o segundo , terceiro , ... ). Não sei não, mas se tivesse oportunidade eu acho que talvez eu tivesse cometido adultério. 4- Masturbação: é ficar tenso e nervoso e tudo vira um pretexto para isso. A vergonha é enorme apenas em relatar isso. Para piorar, meu relacionamento conjugal vive aos trancos. Minha esposa me critica e acusa por tantos erros e falhas, que não tenho nem mais me defendido. Apenas fico quieto, pois na maioria das vezes, acho que são coisas muito pequenas. Bem Pastor, é muito difícil falar estas coisas, mas eu precisava confessar com alguém para poder me sentir um pouco mais limpo. Imploro a Deus o perdão e que me ajude a sair dessa. Quero ser feliz com minha esposa, meu filhinho e com os meus. Quero que me volte a motivação de viver, de inovar de crescer de buscar coisas novas - de ser feliz. Senhor Jesus me perdõe ! Pastor me perdoe, em nome das pessoas a quem tenho traído a confiança. Principalmente pois sou líder na igreja... líder entre aspas. *************************************************** Resposta: Amigo: Paz e Segurança sobre a sua alma! O simples fato de ter falado já vai começar a melhorar você. É incrível, mas é assim. As coisas que você enxergou em você mesmo, trate delas na luz. Tudo o que se manifesta é luz—diz Paulo. E não se persiga. Se você se perseguir, e viver dando explicações a Deus acerca de seus pecados, as coisas só ficarão piores. Confesse...e entregue...o próximo passo é que você deixará as coisas porque elas deixarão você. É sempre assim. Ninguém vence a fraqueza enfrentando-a no coração. A gente a vence desprezando-as no coração. Só que para fazer esse desprezo acontecer a pessoa tem que saber que as culpas já estão pagas e cobertas, e que tem a remissão dos pecados segundo a riqueza de Sua Graça. Então, sem culpa, a coisa começa a murchar...pecado se alimenta da Lei da Culpa. Despreze...e você já nem se lembrará mais... Um beijo, Caio