Português | English

Cartas

PERDÃO: ENCARNAÇÃO DA GRAÇA!

PERDÃO: ENCARNAÇÃO DA GRAÇA!

 

 

 

 

 

  

PERDÃO: ENCARNAÇÃO DA GRAÇA!

 

 

 

 

Tenho recebido muitas cartas de pessoas com grande dificuldade em perdoar.

 

A maioria das pessoas vive em culturas de mágoa, ressentimento e vingança. Por isto, a noção de perdão conforme o Evangelho lhes parece ser muito alienígena e pouco real.

 

Nossa maneira de ver e sentir é também muito prejudicada pelo espírito cristão/pagão do Ocidente, tão cheio de dignidade, de honra, de bom nome, de reputação e de hombridade.

 

Assim, em nome da moral cristão-pagã [cheia de dignidade, de honra, de bom nome, de reputação e de hombridade] — vive-se com o direito de não perdoar a quem tenha violado nossa dignidade, honra, bom nome; e nossa reputação e hombridade.   

 

Veja que todo mundo que não perdoa, sempre evoca a dignidade, a honra, o nome, a moral, a reputação e a justiça social a fim de não perdoar.

 

Desse modo, muitas vezes são essas falsas virtudes que nos impedem de experimentar a única e significativa virtude neste mundo, que é a Graça de encarnar o que Deus, em Jesus, encarnou por nós: perdão.

 

Ofereço a você um presente: o meu livro “Perdão: encarnação da Graça!” — escrito a partir de uma mensagem que preguei a primeira vez no Hotel Glória, no Rio, em 1982.

 

Eis o link:

 

 

PERDÃO - A ENCARNAÇÃO DA GRAÇA

  

 

Leia. Envie para outros. Distribua fartamente.

 

No fim você aprenderá que perdão é um privilegio, um dom, uma graça, uma benção de Deus para nós.

 

E mais:

 

Você aprenderá que perdoar é apenas aquilo que naturalmente decorre de quem tem consciência do tamanho do perdão que recebeu e recebe todos os dias.

 

E ainda:

 

Você aprenderá que o maior beneficiado com o perdão é o perdoador.

 

 

Receba meu carinho.

 

 

 

 

Nele, em Quem existimos e respiramos perdão,

 

 

 

Caio

 

26 de setembro de 2008

Lago Norte

Brasília

DF