Português | English

Cartas

O que você acha do

O que você acha do "Sinal da Cruz"?

-----Original Message----- From: Celso Merce Sent: sexta-feira, 10 de outubro de 2003 To: contato@caiofabio.com Subject: Sinal da Cruz Mensagem: Olá Pastor Caio, Parabéns pelo site. Gostaria de saber se o senhor tem alguma publicação sobre o "Sinal da Cruz" que os católicos costumam fazer quando passam em frente aos templos e cemitérios. Pois acho interessante a reverência e disciplina com que fazem, pois é uma forma de demonstrarem que estão se lembrando de Deus. ************************** Querido Celso: Paz! O “Sinal da Cruz” expressa o espírito religioso. O espírito religioso lembra que Deus existe. O “cristianismo” não é o pai dessa “memória”. Todas as religiões da Terra possuem seus lugares rituais e suas referências sagradas. Quanto ao “Sinal da Cruz” é “bonitinho”, nos remete para essa primitividade bem infantil e lúdica da “crença”, não necessariamente da fé. Faz parte da “infância do espírito”. A pena é que o Crucifixo, o Sinal da Cruz, e a Cena da Crucificação, acabaram sendo amuletos cristãos que cegam as pessoas quanto a verem que o “Sinal da Cruz” não é um movimento das mãos sobre o peito, um “passe” na hora em que se passa ante a simbolização do “sagrado”, mas sim a marca na consciência, a certeza de que Deus não tem que ser lembrado, Ele pode ser vivido, inesquecivelmente presente, habitante de meu ser, de meu existir, em minha vida, no caminho por onde sou levado, e , sobretudo, no chão, no telhado, na cama, no ar, no suspiro, no gemido, na totalidade de mim mesmo—tudo isto acontecendo, o tempo todo, Nele! O verdadeiro sinal da Cruz tem que prescindir do gesto ritual e fazer da vida um rito de gestos de Graça. O sinal da Cruz é uma consciência definitivamente perdoado e abraçada pela certeza do amor de Deus. O sinal da Cruz é a fé que faz dizer: se subo aos céus, lá estás; se faço a minha cama no mais profundo abismo, lá estás também. O sinal da Cruz não é uma lembrança de Deus, é a lembrança de quem nós somos para Ele. O sinal da Cruz é o culto existencial na Graça que permeia a tudo com gratidão, e nos lança para vida com coragem de ser. Um beijão pra você! Caio