Português | English

Cartas

MEU MARIDO NÃO ME QUER MAIS...

MEU MARIDO NÃO ME QUER MAIS...

----- Original Message ----- From: MEU MARIDO NÃO ME QUER MAIS... To: Sent: Friday, October 22, 2004 6:05 PM Subject: Uma conversa entre amigos Graça e paz! Estou atravessando um problema muito sério no meu casamento. Cometi um erro e confessei ao meu marido. Estávamos dispostos a recomeçar, com ajuda do nosso Deus. Ele no início aceitou, dizia que havia me perdoado e entendia os motivos óbvios que me levaram a cometê-lo. Começamos a fazer terapia de casais. Nos mudamos. Vivemos quatro meses de uma verdadeira lua-de-mel. Um certo dia ele começou a se comportar de maneira fria e me evitava ao máximo. Pediu um tempo, passamos um mês de tormento e muita angústia para mim, pois ele realmente me ignorava. Depois deste tempo ele me pediu que saísse de casa e retornasse para uma casa nossa na propriedade de meus pais. Não tive opção, pois a situação ficou incontrolável. Hoje, após 8 meses, recebi a notícia, por ele mesmo, que dará entrada nos papeis para separação judicial. Na verdade, hoje, enxergo que meu marido não conseguiu liberar um perdão, apesar de falar com todos as letras que me amava muito e me perdoara, de fato ele não conseguiu. Passei por momentos de muito sofrimento e dor. Atualmente estou na dependência completa do Senhor, sabendo que o melhor Ele fará. Caso tenha alguma palavra de conselho, fico-lhe muito grata. E lendo alguns artigos de seu site, percebi que: a minha carga de culpa já foi retirada, ou levada, pelo Cordeiro Santo de Deus. E que acima de tudo eu tenho um Deus que me ama sobremaneira. Conto com sua oração e peço-lhe sigilo (sei que não há necessidade de pedi-lo). PS.: Você é uma pessoa maravilhosa, leio tudo, agradecendo a Deus à sua existência. Um abraço! Em Cristo Jesus, ________________________________________________________ Resposta: Minha querida amiga no Senhor: Graça e Paz! Sempre repito que quem cometeu um ato impróprio no casamento (fora dele) não deve contar o que aconteceu, nem quando quer se separar; e digo isto por duas razões: a primeira porque 99% dos cônjuges não suportam a verdade; segundo porque a pessoa "traída" deve ser poupada dessa dor, pois, em nada ajuda. Na minha opinião, e olhando de modo prático, acho que se você estava arrependida, deveria receber o perdão de Deus, mudar de atitude e buscar salvar seu casamento—já que esse era o seu desejo. O que aconteceu a ele não é que ele não tenha lhe perdoado. Tenho certeza que ele a perdoou. Ele apenas perdeu a confiança, e é um direito dele não querer viver com esse fantasma. Nem todos estão aptos para passar por cima de um problema desse. E isto nada tem a ver com perdão, mas com incapacidade pessoal, e quase sempre em razão dos ciúmes, imaginações, e pela angustia de viver se sentindo em permanente estado de vigilância. Perdão é muito mal compreendido. A maioria pensa que quando é perdoado tudo fica como dantes no Quartel de Abrantes. E nem sempre é assim. Ora, alguém pode perdoar a pessoa, limpar o coração de toda mágoa, mas, mesmo assim, não querer mais manter a relação. Perdoa, mas tem o direito de não querer mais aquele tipo de vínculo. Portanto, não pense que ele não perdoou você. Pelo visto ele até tentou passar por cima e ficar com você. Mas não conseguiu. Assim, não o culpe. Não é obrigação dele querer continuar o casamento apenas porque ele perdoou você. Casamento não vive de perdão, mas de confiança. Agora, como você mesma já disse, caminhe no amor de Deus; e fique calma. Não tente resolver tudo por conta própria. Dê um tempo à sua alma e aquiete-se. Nesta vida todos nós cometemos equívocos. Alguns são contornáveis; outros não. A mente madura reconhece o erro, recebe o perdão de Deus, concerta os caminhos, e vive humildemente com as conseqüências. Confie no cuidado de Deus por você, por ele, e por todos os que você ama. Mas não transfira nenhuma responsabilidade sua para ninguém. No tempo próprio você haverá de ser surpreendida pelo amor de Deus! Fique firme e não caia em depressão. Sou filho da misericórdia, e creio nela para mim e para todos. Aquele que tem misericórdia de mim também tem misericórdia de você. Receba meu carinho e orações! Nele, que nos diz: vai e não peques mais... Caio