Português | English

Cartas

JESUS CHOROU...EU CHORO TAMBÉM!

JESUS CHOROU...EU CHORO TAMBÉM!

-----Original Message----- From: BENTO SOUTO Sent: segunda-feira, 29 de março de 2004 22:32 To: contato@caiofabio.com Subject: Jesus chorou...eu chorei também! Amado amigo Caio, Jesus chorou (João 11:35) Quando li o seu e-mail -- grito de dor - louvor - clamor -- sobre a morte do seu amado filho, Lukas, minha primeira reação foi chorar. Nestas horas de dor e luto extremo, nós, cristãos, deveríamos seguir apenas o exemplo do Mestre e... chorar com os que choram. Há duas semanas recebi a notícia da morte do Wilson, meu con-cunhado (casado com a irmã da minha esposa), assassinado, barbaramente, com seis tiros pelas costas, apenas porque o assassino queria roubar a sua motocicleta usada -- que valia cerca de três mil reais. Wilson deixou orfãos, Rodrigo (10 anos ) e Tiago (8 anos), e viúva, Giovana, minha cunhada. Porque Jesus chorou...eu também chorei com eles. Se buscarmos explicação para o choro de Jesus...não acharemos uma que seja satisfatória. Como, o ser humano (e divino!) mais cheio do Espírito Santo que já pisou na Terra, pode chorar? Como, aquele que é a "ressurreição e a vida", pode chorar? Porque Jesus chorou...eu também choro. Aquele que é a Vida chorou diante do amigo morto. Por isso eu também posso chorar. O choro dEle, a quem devemos imitar, prova que não somos e nem devemos ser estóicos. Por isso eu choro. Como Ele, também nos sujeitamos ao absurdo da vida que é removida deixando òrfãos e viúvas sem sustento. Não entendemos o propósito dessas coisas. É fácil crer num Deus que nos dê Carta de Alforria contra as vicissitudes e desgraças da vida. Difícil é crer num Deus que nos faça passar por elas. Por isso eu choro. Choro, no entanto, sem sucumbir à armadilha da Teologia da Causa e do Efeito. Minha única esperança de entender esses atos de Deus está, colocada, no próprio Deus. Choro, pela dor da ausência desses queridos que partem tão brutal e repentinamente. No entanto, não duvido, por um só instante, que Deus os ama muito mais do que eu os amei, pois Ele entregou-se, na Cruz, por eles, bradando para todos o quanto Ele os ama. Choro, agora, porque não sei os motivos que Deus possui para permitir que essas coisas acontecessem. No entanto, minha convicção é a de que, na glória, quando Ele também para lá me levar, eu saberei que as ações dEle foram motivadas pelo amor de um Pai que ama os Seus filhos, e os ama mais que a própria vida. Choro, agora, porque Jesus chorou. No entanto, espero, ansiosamente, pelo dia em que Ele há de enxugar toda a lágrima, inclusive a sua. Receba, meu amado amigo, Caio, minhas lágrimas, para que elas se juntem as suas e as de sua família, como também a nossa oração de que Deus nos dê a graça e o consolo de atravessar esses momentos, crendo que "todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus". Um beijão Bento Souto P.S Queria ter te escrito antes, mas estava trabalhando no final de semana e dentro de aviões, durante o dia de hoje. Enviei o teu primeiro escrito sobre a morte do Lukas para centenas de pessoas. Tenho inúmeros e-mails de condolências. Você quer que eu os envie? ____________________________________________________________ Resposta: Bento amado, Você tem sido grandemente amigo. Seu amor me enternece. Você está sempre chorando pelas causas certas; e se alegrando pelas alegrias verdadeiras! Receba nosso amor. Nele, que chorou e enxuga toda lágrima, Caio Obs: Sim, amado, me envie os e-mails.