Português | English

Cartas

FUNDO DO POÇO!

FUNDO DO POÇO!

-----Original Message----- From: Lucas [mailto:majoralex@uol.com.br] Sent: segunda-feira, 4 de agosto de 2003 13:40 To: contato@caiofabio.com Subject: Fundo do Poço! Dados: Nome:Lucas E-mail para resposta: majoralex@uol.com.br Telefone:(02131) 35311260 Mensagem: VISÃO DE DEUS Querido Pastor, Como tenho me deliciado neste site!... Viva a internet que nos permite beber da graça de Deus através da tecnologia que nos faz estar sempre pertos. Guardadas as devidas proporções, também já estive no fundo do poço...por três vezes! Seqüestrado por marginais em 1990, separado do meu primeiro casamento em 1992 e novamente em 1997 do segundo! Mas Gloria a Deus que no fundo do poço Ele (Sua superabundante graça) me fez entender que para tudo há sempre muitas visões! Através da história de José , num dia terrível, Ele me disse que num mesmo fato pode-se ver com os seguintes olhos: 1. Olhos de Jose: No fundo do poço não enxergava a saída e não entendia os "por quês" daquilo tudo! 2. Olhos do inimigo: Os irmãos de José ao o venderem para os ismaelitas, acreditaram ter acabado com ele. 3. Olhos de Jacó: Que ao ver a túnica suja de sangue acreditou que tudo estava terminado para seu filho querido! Fim de tudo! Mas Deus me disse que há uma visão melhor: 4. A visão de Deus, que desde o lançar de José no fundo do poço apenas via que tudo aquilo era apenas o início de uma grande vitória que entraria para a história da humanidade! Quero ter a visão de Deus e sei que o senhor já a tem. Aquela, proveniente da inesgotável graça de Deus, que nos permite afirmar que "todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam e que são chamados segundo o seu propósito! Visão de Deus...sempre! O horizonte sempre aportará no espetáculo da Graça! Um grande abraço, De quem já foi e ainda é muito abençoado por suas palavras. Lucas *************************************************** Resposta: Lucas, amado: é isso aí! Pobre do homem que não tiver essa compreensão! Aqui no site você encontrará, creio que em Devocionais, um texto sobre o José. Sua certeza é também a nossa certeza. Ele não conhece nenhum fundo de Nada. Tudo existe Nele. A gente tem que andar nessa confiança! Beijão, Caio