Português | English

Cartas

ÊTA BRINCADEIRA GOSTOSA DOS CÉUS, MINHA GENTE!

ÊTA BRINCADEIRA GOSTOSA DOS CÉUS, MINHA GENTE!

-----Original Message----- From: Marco Antonio Teixeira da Silva ( Marcão ) Sent: quarta-feira, 17 de dezembro de 2003 08:12 To: contato@caiofabio.com Subject: ÊTA BRINCADEIRA GOSTOSA DOS CÉUS, MINHA GENTE! Mensagem: Êta brincadeira gostosa dos céus, minha gente ! Fiquei pensando em como definir o último dia 13 de Dezembro na minha existência, o dia do Encontro da Irmandade Virtual. Cheguei à surpreendente decisão de defini-lo como "alguma peraltice" divina está acontecendo neste dias. Sei que muitos que lá estiveram presentes, de maneira bem pessoal e íntima, já definiram, nos mais diversos horizontes, o significou a reunião da Irmandade Virtual deste site... São relatos que exalam o doce aroma da comunhão sincera e fraterna! Mas não poderia deixar de juntar a minha voz aos demais e dizer que verdadeiramente algo aconteceu na minha perspectiva de vida cristã, a qual foi imensamente constrangida pelo que presenciei. Aquele que durante anos foi "dignificado" pela comunidade evangélica como o "ícone primaz" para a sociedade,...passou ao meu lado num modo tão "interiorano" de ser, que fiquei a me questionar "É ele mesmo?!?" Talvez pelo passar dos anos, a barba e cabelos mais grisalhos, mas havia um incrível encanto por sobre toda este aspecto físico: a candura no olhar. Sim,...o Reverendo Caio Fábio D'Araújo Filho, pastor presbiteriano, presidente da Vinde, orador e porta voz de uma doente igreja, não mais existia.... O que percebi por entre aqueles olhos, é um outro homem, mais "amaciado" pela graça, e como disse o Pastor Heraldo, ao lado de minha cadeira, durante a reunião: "Ele está muito melhor". É foi este sentimento que apresentou-se para mim como um singelo cartão de visitas naquela inesquecível reunião de simples amigos. O resto foi apenas "encarnação" de uma caminhada mais digna para minha reflexão, um derramar da mais genuína sapiência amazonense bíblica, se posso assim definir... Ah! Graça Excelsa dos Céus... Como faz-me livre abraçar-te nestes dias tão "amalucados" ! E receber de modo tão gostoso aquele abraço amigo e fraterno no final do dia, recheado com suas singulares gargalhadas, Caio, fez-me acreditar que este "banho santo" do Criador ainda tem muito o que limpar nesta caminhada em solo brasileiro. Que sua “entrada” pelas Escrituras continue sendo por "Ele", moldando-o cada vez mais como instrumento precioso para aqueles que te amam. No beijão amigo e alegre, Marcão, cartunista e agora com uma razão maior para ver a vida mais colorida.... P.S: A propósito, fantástica a sua "trança", que com certeza foi "ressuscitada"no tempo certo ...rsrsrsrs)