Português | English

Cartas

ESTIVE PRESO NO EXÉRCITO DO BRASIL...

ESTIVE PRESO NO EXÉRCITO DO BRASIL...

Prisão

 

----- Original Message -----

From: ESTIVE PRESO NO EXÉRCITO DO BRASIL...

To: contato@caiofabio.com

Sent: Friday, September 25, 2009 1:07 AM

Subject: O garoto do Exército

REFERENTE À CARTA: MEU FILHO ESTÁ PRESO NO EXÉRCITO...

 

Caio,
 
Sou o garoto que foi preso por insubordinação dentro do Exército Brasileiro. Primeiramente, gostaria de deixar claro que nunca relacionei a sua pessoa com uma imagem de rebeldia ou qualquer outra coisa que pudesse dar incentivo ao ato. Fui solto através de um hábeas corpus hoje, depois de 141 dias preso. Foi uma experiência peculiar, já que não são todos os seres humanos que passam ou passarão por isso. Fico imaginando caras como Nelson Mandela, que sobreviveram mais de 30 anos no cárcere. Minha luta agora é pra continuar cumprindo expediente no quartel e aguardando até no máximo a primeira baixa. Tudo aconteceu muito rápido e intensamente. O caso se deu no campo básico aonde fui vítima de mim mesmo ao ponto de receber uma injeção de sedativo. Os fatos ocorridos são muitos, mas não quero descrevê-los nesta carta. Quero apenas dizer que ainda pretendo dar uma passada por Brasília, conhecer a Estação do Caminho e a cidade em si que pelo que escutei, é muito interessante. Tive muitas conversas com o capelão que me visitava no xadrez durante esse tempo e ele, como ex-morador, confirmou que a cidade é muito bela. Tenho curiosidade de conhecer a capital do meu país. O mais importante é que agora estou em casa e, sobretudo, continuo na busca do discernimento que nos liberta para sermos melhores a cada dia. Depois que conheci o site, fiz um verdadeiro carnaval junto às sombras psicológicas da minha ignorância evangélica. Hoje, tenho lutado para não me prender a ressentimentos com a religião. Mas ando percebendo que acabei tatuando algumas anti-virtudes no meu ser, no decorrer de todo esse processo.
Bom, como diria Rodolfo Abrantes (ex-Raimundos), "se eu conseguir me consertar por dentro, serei enfim um homem livre."
Continuo na batalha, na guerra, sempre na fé Naquele que já venceu por mim. Mas que nada poderá fazer, caso eu resolva não mais querer o Seu bem.
Por isso, agradeço por tudo. Pelo Evangelho pregado. Pela mão amiga. Por tudo!
Que o Senhor continue te abençoando com essa bela sabedoria dos Céus!
Um forte abraço!
__________________________________

Resposta:

 

Meu filho querido: Graça e Paz!

 

Que bom que você foi solto!...

Ficar preso no Exercito é uma desgraça, pois, não faz sentido...

A prisão do Mandela pelo menos, para ele, fazia sentido... Daí ter agüentado 30 anos... Sim, pois sem a convicção da verdade do ato pelo qual se foi preso, a prisão se torna mais que prisão, posto que nos prende ao coração como lugar de raiva e dor zangada...

Agora eu espero que você se aliste no Reino do Filho do Amor de Deus!...

Agora eu espero que você discirna que as armas da nossa guerra não são carnais, mas sim poderosas em Deus!...

Agora eu espero que você cumpra seu tempo até o fim, e que faça isso como para o Senhor; pois, como diz o Profeta Jeremias no livro de Lamentações, é bom para o jovem assentar-se solitário e acolher o jugo que sobre ele caia na juventude; pois, tal jugo forjará caráter no jovem que será um homem.

Filho, aguardo a sua visita aqui em Brasília.

Avise quando estiver vindo...

 

Nele, que nos alista no Exército do amor e da vida,

 

Caio

25 de setembro de 2009

Lago Norte

Brasil

DF