Português | English

Cartas

ENTENDI A GRAÇA DE DEUS ATRAVÉS DE SUAS PALAVRAS

ENTENDI A GRAÇA DE DEUS ATRAVÉS DE SUAS PALAVRAS

-----Original Message----- From: Henrique Sent: quarta-feira, 26 de novembro de 2003 21:24 To: contato@caiofabio.com Subject: Entendi a Graça de Deus através de suas palavras Pastor Caio, Sou crente no Senhor Jesus Cristo desde 1997 (mesma data de meu aniversário). Os primeiros momentos de fé foram incríveis. Logo após minha conversão, ouvi falar num pastor chamado Caio Fábio, recebi indicações de livros dele e não parei: li seus livros, assisti a suas pregações em fitas de vídeo. Em 1998 eu esperei vê-lo pessoalmente em dois eventos: o Encontro de Pastores e Líderes promovido pela Igreja Batista Central e na operação Janela Fortaleza. Confesso que fiquei muito frustrado que nas duas oportunidades isso não pode acontecer. Depois, ainda em 1998, começou-se falar em Caio Fábio e o que estava acontecendo em sua vida. Alguns comentaram... Alguns se enfureciam... Alguns ficaram satisfeitos... Alguns lamentaram... Depois ninguém falou mais em Caio Fábio. Algumas vozes... Alguém comentou: "Ele lançou um livro". "Ele lançou um e-book" "Ele tem um site" Não dei muita bola para o que aconteceu com você. Estava entre os que lamentaram, mas sem me importar muito, nem com você, nem com mais ninguém. Lamentei, mas apenas por não ter mais o escritor, o pregador, a fonte. Tudo que eu queria era ser servido e se não havia mais Caio Fábio para servir, deveria haver outros. Aí o tempo passou... Fiz uma porção de coisas terríveis... Deixei de me importar com Deus, fiquei indiferente a Ele. Há um mês atrás, me chegou um livro às mãos: Maravilhosa Graça, do Philip Yancey. Achei muito bom, li rapidamente, muito interessante o livro. Assim que terminei de ler, decidi fazer uma pesquisa na Internet sobre Graça. Aí encontrei o site do Caio Fábio. O mesmo Caio Fábio. O mesmo Caio Fábio? Parei numa seção chamada A Mente de Paulo e logo após os primeiros textos, a graça de Deus desnudou-se sobre meus olhos como nunca havia ocorrido nesses quase 7 anos de conversão. Meu entendimento de que o amor de Deus independe do que eu faça, mas sim do que Ele fez (e faz), virou-me de cabeça para baixo. Um Deus de amor, maravilhoso, que me amou de tal maneira que enviou Jesus para morrer por mim, que o ressuscitou para viver por mim. Há 7 anos, o amor de Deus fisgou-me para a conversão, mas eu sempre achei que precisava usar de todas as minhas forças para que Ele continuasse me amando. Agora entendi o amor de Deus. Ele nunca desistiu de mim, mesmo quando andei indiferente a ele. Ele me ama incondicionalmente. Nesse instante, o pecado em que eu vivia perdeu a graça. É isso mesmo: o pecado perdeu a graça, porque o pecado perdeu PARA a Graça. Viver pela graça foi a maior liberdade que experimentei. Voltei a ler a Bíblia, apaixonei-me novamente pelo Deus das Escrituras. Devorei-a nessas duas semanas, li o Novo Testamento inteiro e agora releio os Evangelhos e cartas de Paulo, ao mesmo tempo em que devoro seu site. Minha vida de indiferença acabou. Quero viver para Ele, por amor. Não fico nem um dia sem visitar seu site. Deus te abençoe nessa sua missão, meu pastor, meu irmão. Eu precisava agradecer-lhe, e precisava pedir-lhe perdão por ter sido tão egoísta e insensível à sua vida. Claro que ainda tenho dúvidas, tenho lutas, mas tudo se tornou diferente. Muito obrigado novamente. Você é coberto pela graça de Deus. Gostaria muito de perguntar: É possível um "café" em Fortaleza? Receba um grande, grande abraço. Seu irmão, Henrique *************************** Resposta: Amado amigo: Que linda a sua carta! A única coisa que tenho a dizer é: Glória Deus! E, à você: muito obrigado! DE FATO É PARA ISTO QUE ESTOU AQUI: PARA VER AS PESSOAS CREREM E SE LIBERTAREM NA GRAÇA DE DEUS! Ore por mim! Estamos em pleno Caminho! Um “café” em Fortaleza? Sim! se tiver camarão e lagosta! Um beijão. Nele, Caio