Português | English

Cartas

ELE ME ENFORCA, MAS TENHO MEDO DE FUGIR…

ELE ME ENFORCA, MAS TENHO MEDO DE FUGIR…

 

----- Original Message -----

From: ELE ME ENFORCA, MAS TENHO MEDO DE FUGIR…

To: contato@caiofabio.com

Sent: Thursday, February 25, 2010 4:30 PM

Subject: Falar com Caio Fábio

 

Estou casada há sete meses apenas; e venho sofrendo agressões físicas e psicológicas do meu marido, inclusive ameaças de morte e humilhações constantes.
Até mesmo por alguma discussão boba e sem sentido [...] ele me tranca em um quarto e vem para cima de mim, me encostando na parede com a mão fechada e pronta para socar o meu rosto...

Às vezes ele puxa meu cabelo com força e bate na minha cabeça...

Recentemente estive internada por dois dias, pois tive um ataque de pânico enquanto ele tentava me enforcar deitada na cama. 

Nesse dia achei que fosse morrer e só pensava na minha mãe, meu pai....
Nessas horas tenho a percepção que o inimigo está dentro do corpo dele...

Ele começa a salivar, fica vermelho e grita muito alto.

Nunca achei que pudesse passar por algo parecido; e depois de todas estas coisas, muitas vezes ainda sou conduzida a ter relações sexuais com ele [...] e acabo aceitando com medo de ele ficar ainda mais agressivo...
Nao tenho coragem de levar este assunto para frente e expor isso à Policia, amigos e familiares, pois tenho certeza de que ele se vingaria de forma ainda mais cruel.
Enfim, tenho vivido num cativeiro e não sei como posso sair desta situação...

A cada dia, eu espero um milagre de Deus, um resgate desta vida de sofrimento e pânico.
Nao tenho como fugir de casa e ir embora, pois tenho medo que ele me encontre e acabe comigo.
Sei que o senhor não me conhece, mas peço gentilmente que reúna sua equipe e levantem um clamor pela minha vida...

Deus tem acompanhado tudo que tenho passado e sabe que não mereço nada disso.
Aguardo a cada dia, por um milagre do céu.
PS: não coloquei um e-mail valido, pois ele pode acessar minha conta e ver esta mensagem [...]. Apenas peço que orem por mim.

Fique na paz

____________________________________________

Resposta:

 

Minha querida filha: Graça e Paz!

 

Não tenho lido, e, portanto, não tenho respondido e-mails. Hoje, porém, ao checar uma mensagem da minha filha, achei seu e-mail; e, ante o que li, não consegui ficar sem responder...

Não há muito o que dizer...

“Diagnosticar” o seu marido não é importante para você agora...

Agora o que ajuda você é “diagnosticar” o fato que, ficando com ele, você acaba morta...

Não importa se é diabo, se é distúrbio emocional, se é ira descontrolada, etc... O que importa é que você está vivendo em prisão domiciliar e sendo tratada como uma escrava à moda antiga...

Se você quiser ajuda mesmo; se quiser proteção mesmo; se quiser ficar livre do carrasco mesmo — então me escreva de verdade; dando-me meios de ajudar você na prática.

As medidas...

1º Tirar você daí; e proteger você em um lugar no qual ele não a achará; e nem vai gostar de achar; pois, em tal lugar ele vira frango frouxo e não vai nem mesmo tirar a onda de ser o Galo dono do Terreiro...

2º Acionar a Polícia caso ele estrebuche... Sim! Cadeia no covarde e agressor de mulheres. Maria da Penha no safado!...

3º Qualquer cuidado medico ou psicológico que ele necessite não é missão sua prover. Ele que se cuide... Os dele que cuidem dele... Você, no entanto, tem que sumir daí e dele para sempre...

4º Esse tipo de comportamento sempre acaba em tragédia. Não fique para ser a vitima.

5º Procure uma “Igreja” Maria da Penha [Delegacia], pois é de “comunhão” com machos que ele está precisando; que é para ver se ele gosta de ser “apertadinho” no pescoço, no mínimo...

Assim, filha, confie; e se precisar peça ajuda mesmo; pois, Nele, pela Graça, creio que podemos ajudar você.

Mande um contato certo; ou entre em contato com chico@caiofabio.com e ele encaminhará você para um número telefônico no qual possamos falar!

Esta é minha ajuda; sim, para além de orar por você!

 

Nele, que abomina a covardia; por isto os covardes contumazes não entrarão no reino do Pai de amor,

 

Caio

27 de fevereiro de 2010

Lago Norte

Brasília

DF

Leia:

POR QUÊ AS PESSOAS PARECEM GOSTAR DE APANHAR...

MANSIDÃO É APANHAR DO MARIDO E NÃO DIZER NADA?

BATO NO MEU MARIDO: ELE É FEIO E NÃO GOSTO DELE!

MÉDICA DIZ: JÁ APANHEI MUITO POR CAUSA DA IGREJA!

POR QUÊ TENHO QUE AGÜENTAR ESPANCAMENTO?

ME DIZIAM PRA ESPERAR NO SENHOR. APANHEI 15 ANOS!