Português | English

Cartas

De mim para você

De mim para você

Hoje passei o dia imbuído de um monte de gente da Bíblia. Ando muito com eles. Quase todo dia é assim, mas hoje foi muito especial. Dezenas de coisas sobem de uma vez ao coração. Tenho que moderá-las, dosá-las para mim mesmo. Às vezes acho que me sinto um homem de todos os tempos. Dá-me a impressão de perceber o que as coisas significavam para eles no tempo em que aquelas coisas estavam acontecendo. Se você faz essa viagem para a história e para os significados que as coisas tinham em cada tempo, sua visão de tudo muda e muda acerca de tudo. Morte, vida, honra, prazer, poder, posse, justiça, misericórdia, verdade, mentira, tristeza, doença, família, casamento, virgindade, sexo, sagrado, material, universo, Deus e Deus—já foram cridos, sentidos, discernidos e julgados por visões, culturas, momentos, valores e princípios, que nem sempre tinham naquelas coisas, atos, ações, realizações, escolhas, etc..os mesmos significados que essas mesmas coisas têm para nós hoje. Não fazer essa distinção faz você ouvir o que eu já ouvi mais de uma vez: “Meu pastor amado! Quero que o senhor saiba que não mudou nada no meu modo de ver o senhor. Aliás, para ser franco, eu admiro gente muito pior que o senhor—o senhor nunca matou! —, o senhor nunca fez nada parecido com Davi e Sansão”. Morro de rir, apesar de entender o modo como entendem as coisas. Mas que é engraçado, isso é! E assim vou viajando por dentro da Bíblia enquanto caminho neste mundo de gente semelhante aos nossos sagrados amigos e que tinham fraquezas idênticas às nossas. Somos muito diferentes deles em muitas coisas. Mas nós e eles somos apenas justificados pela fé em Nosso Senhor Jesus Cristo—conforme Hebreus 11. Eles sem nós não seriam aperfeiçoados. E nós sem eles não estaríamos aqui. Isto para que ninguém se glorie! Caio Fábio