Português | English

Cartas

Confissões de um pastor!

Confissões de um pastor!

Prezado Rev.Caio Fábio, Há muito desejo entrar em contato com o senhor. Tive o prazer de ler, pela primeira vez, seu livro "Confissões de um Pastor". Ganhei de presente da mãe da minha namorada e, por causa do volume de leitura diária que tenho de cumprir, encostei o livro na minha estante e o esqueci. Qual não foi minha surpresa quando meu irmão, procurando alguma coisa para ler (coisa raríssima de acontecer), encontrou seu livro e se pôs a lê-lo com uma voracidade que jamais vi. Pois bem, de tanto ele falar do conteúdo do livro, interessei-me. No último grande feriado que tivemos(Corpus Christi), o levei para um sítio e, em meio aos livros que tinha de ler para completar a minha monografia de final de curso, comecei a folhear com desconfiança as páginas dessa obra que tanto me abençoou. Tenho um certo preconceito com livros evangélicos, acho-os, nas maiorias das vezes, mal escritos. Os traduzidos para o português são ainda piores. Por isso a minha desconfiança. No entanto, ao começar a ler aquele livro, acredito que colocado por Deus no momento exato, me dei conta de quanto me identificava com tudo o que ali estava escrito. O senhor pode achar uma bobagem, mas o fato é que Deus através das palavras silenciosas daquele livro, tocou-me de forma especial. Eu gostaria muito de entrar em contato direito com o senhor, conhecê-lo de fato. Em fim pastor, sou meio preguiçoso com e-mails, tenho muito que lhe falar sobre essa experiência e o que ela desencadeou em mim; como homem e como cristão. Fique com o Senhor Jesus e saiba que ele sabe como preencher o seu coração. Não duvide disso jamais!, principalmente naqueles momentos de insônia. Um grande abraço e, permita-me, fraternal, H.B. *************************************************** Resposta: Meu querido irmão, Sei que você mora no Rio. Vamos tomar um Café? Me ligue ou apareça. Temos muito para conversar...de fato...com a virtude da não virtualidade. Nele, Caio