Português | English

Cartas

A NOBRE CAUSA DO MENINO-ANJO: quem for justo de alma, ajude!

A NOBRE CAUSA DO MENINO-ANJO: quem for justo de alma, ajude!

 

 

----- Original Message -----

From: A NOBRE CAUSA DO MENINO-ANJO:

quem for justo de alma, ajude!

To: contato@caiofabio.com

Sent: Wednesday, December 06, 2006 7:36 AM

Subject: INFORMAÇÕES SOBRE O MENINO-ANJO

 

Caio,

A família do Aurélio Edigard está sofrendo muito, pois não conseguem trazer o corpo dele para o Brasil, tendo passado já 16 dias da sua morte no Timor.

Hoje a agência O GLOBO publicou em todos os jornais do país que a Assembléia tentou influenciar no translado através de uma missão de pastores, mas não houve sucesso.

Não sei se podemos fazer algo... Tenho conversado com ela.

Em breve, ela pretende voltar e retomar os projetos missionários deles, além de cuidar de tudo que já existe.

Sim, pois o Edigard metia as caras e o coração! Era um sonhador do Evangelho Integral, mas também sabia executar: Já funcionam a Casa Lar, para crianças em Dili; o projeto em Viqueque, que é uma escola com 70 crianças, onde elas também são alimentadas, além de ações na área da Saúde.

Todos precisando de socorro e recursos.

Tomei a iniciativa de levantar uma oferta na Estação e ela me passou uma conta corrente* para os projetos do Edigard, que continuam bem vivos! Na carta abaixo, ele fala de um Sonho que aglutina a idéia da Fábrica de Esperança, com a "Casa do Caminho" misturada com as idéias do Chico (BH) sobre ensino teológico.

A irmã dele me disse que a identificação com o teu ministério era tal, que por lá o apelidaram "Caio Fábio Júnior".

Disse também que a última pregação dele foi naquele domingo, sobre OS EFEITOS DA GRAÇA.

Depois da qual, ele saiu de carro rumo ao Pai...

Veja a carta:

O sonho de Edigard - carta de 12 de outubro

 “Outro sonho que Deus colocou em meu coração é relacionado aos jovens timorenses”.

Nesse momento que estamos vivendo, como nação timorense, é triste ver os jovens envolvidos em grande parte dos conflitos, embora eles não sejam os responsáveis por tudo de mal que estamos vivendo.

A geração que está queimando casas, saqueando lojas, enfrentando a policia, brigando nas ruas, está se auto-destruindo de diferentes formas.

É a geração que viu o Timor lutar pela libertação do domínio indonésio.

O referencial que essa geração carrega, é de violência.

Eles foram expostos à violência quando criança, e agora repetem essa mesma violência contra eles próprios.

Diante dessa triste realidade, Deus tem colocado em meu coração o sonho de termos mais uma casa lar. Só que agora, voltada para os jovens.

Esses jovens teriam um lar, onde receberiam não apenas o alimento para sobreviver, mas principalmente os princípios cristãos, expressos diariamente, em pequenos reflexos da grandiosa Graça de nosso Deus, manifestada em nossas atitudes praticas.

Essa Casa não seria um seminário, com a sistematização dos conteúdos bíblicos. Seria um ambiente familiar, em que, a teoria tão insistentemente falada, daria lugar a pratica de vida. Levando-os a entenderem, numa perspectiva integral, a espiritualidade cristã.

Além disso, eles receberiam apoio, acompanhamento e incentivo em seus estudos, criando uma geração de pessoas com formação adequada e intimidade profunda com Deus, capazes de, em um futuro próximo, influenciarem diferentes áreas da nação.

Nesse momento, esse projeto é apenas um sonho. Mas eu quero convidá-lo a orar junto comigo, para que Deus traga esse sonho à existência, se essa for a sua vontade."

Aurélio

 _____________________________________________________

Tem muita coisa bonita do Edigard no orkut. Convido a todos a entrarem na comunidade Edigard Brito - PAZ NO TIMOR http://www.orkut.com/CommTopics.aspx?cmm=23910636

* Banco do Brasil c/c 36488 – 6 Ag 1221 - 1

 ___________________________________________

Resposta:

Meu filho amado Marcelo:

Graça e Paz!

Preciosa é aos olhos do Senhor a morte dos Seus santos; além disso, o justo é levado antes que venha o mal, e entra na paz; pois, o Senhor é bom, e abrevia aqueles dias de dor para aqueles que o amam.

O Edigard era uma semente da melhor.

Ontem minha mulher, eu e um amigo estávamos lá no jardim, ao por do sol, vendo umas plantas lindas que temos aqui em casa.

Uma semente e um mundo de belezas imutáveis, segundo a sua espécie. Cores fortes e sutis. Textura aveludada. Uma delas quando está nascendo se derrama com o formato de um peixinho. Quando crescem, se abrem em gomos que parecem bicos de tucano, e com cores maravilhosas. Cada semente segundo a sua espécie.

O Edigard era uma semente em extinção. De sua espécie há cada vez menos sementes. Entretanto, como qualquer semente, é na morte que ela se qualifica para dar muito fruto. E se a semente é boa, o fruto lhe será correspondente! Assim, ao responder a você, faço-o também desejando incitar um movimento.

Por isto vou colar esta carta-resposta no site também. E o que proponho?

1. Proponho a pessoas que sejam semente da mesma espécie do Edigard, e que sejam apenas movidas por amor, e não por desejo de auto-martírio e nem por masoquismo missionário patrocinado pela culpa e ou pela auto-justificação — que ofereçam-se ajudar a frutificar o trabalho do Edigard no Timor Leste, porém sem a pretensão de substituí-lo. Sim! Devem ir com sustento levantado no Brasil, e para dar continuidade ao sonho de Deus no coração do Menino-Anjo. Os interessados podem escrever para você: marceloquintela@caiofabio.com

2. A outra coisa é pedir que esse meu texto seja circulado na Internet, e, sobretudo, enviado para pessoas que trabalhem junto ao Governo Federal; ou seja para Deputados e Senadores; ou ligadas ao Itamaraty — a fim de agilizarem a translado do corpo do Edigard, como foi feito com o Secretário-Geral da ONU em Timor-Leste, Sergio Vieira de Melo, cuja família não teve os problemas da familinha do Edigard para ter seu corpo trazido de volta ao Brasil. O que vale para o Secretário da ONU vale para o Ministro Edigard, servindo à Paz no mesmo lugar.

Eu gostaria que cópias de e-mails e eventuais respostas que sejam obtidas da parte das autoridades, sejam enviadas para contato@caiofabio.com   – com cópia para marceloquintela@caiofabio.com

3. Concluindo, gostaria que todos os que amavam o Sergio Vieira de Melo, ao Edgard, e, sobretudo a causa da Paz no Timor Leste e no mundo, que contribuam para o projeto do Edigard no Timor Leste.

A conta é a que está ao final do texto do Edigard. Ou seja:

Banco do Brasil - c/c 36488 – 6 / Ag 1221 – 1

Peço que todos se interessem por essa Causa, que com ela contribuam. Pois, lutando por tantas causas sem causa, não é possível que não possamos nos comover diante de uma causa com verdadeira Causa e razão de ser, segundo a agenda de Jesus e do Evangelho.

Eu, pessoalmente, vou consultar algumas pessoas de maior influência nos meios políticos. Estou orando; Adriana e eu. Sim! Estamos comovidos! Ah! Adriana lembrou que a irmã dele deve ser objeto de todo carinho, assistência e cuidado; pois, a “bichinha” deve estar mais do que carente de tais manifestações de amor prático.

Beijos! Nele, que elegeu o Edigard para a vida e a morte — pois, Nele, tanto a vida quanto a morte são nossos em Cristo,

 

Caio