Português | English

A Mente de Paulo

QUEM É A SUA MÃE?

QUEM É A SUA MÃE?

 

 

 

 

 

QUEM É A SUA MÃE?

 

 

 

Paulo disse que a Jerusalém de pedras e morros, situada na Judéia, em seus dias era espiritualmente como a escrava Hagar era para Sara, nos dias de Abraão; pois quem de Hagar nascia, escravo era desde o nascimento, visto que escravo gera escravo em regime de escravidão. Entretanto, os filhos da Graça-Promessa, eram como Isaque, o filho de Sara, a livre.

 

Se o espírito da mãe é de escrava amargurada e infeliz, nem Abraão aí fará filhos livres.

 

Por esta razão é que Paulo diz que os filhos da escrava sempre perseguem os filhos da livre; pois eles mesmos sabem quem é livre e quem não é. Por isso quem não é persegue a quem é. É sempre o não-é perseguindo ao que é.

 

A ironia é que Paulo saiu de Jerusalém com a ordem de matar os filhos da livre, e, ao chegar ao seu destino, Damasco, vira tanta luz que já nada via; porem, sendo já livre, mal abriu os olhos e começou a ser perseguido pelos filhos da escrava, como de fato o foi até o fim da vida.

 

Os filhos da escrava sempre odiaram os filhos da livre. Portanto, quando os filhos da escrava amam alguém, então é porque tal pessoa não é filho da livre.

 

Ora, assim como a Jerusalém dos dias de Paulo gerava filhos para a escravidão, assim também a Religião [seja qual for sua denominação cristã] gera para a escravidão também. Ambas são a mesma coisa, assim como os judeus procederam de Sara e acabaram como filhos de Hagar.

 

E fácil ver quem é filho da Escrava e quem é filho da Livre. Basta ver quem persegue quem; e quem odeia a quem; e quem desejaria o sumiço de quem; e quem se ocupa de quem; e quem se alimenta da existência de quem.

 

Os filhos da Livre só têm olhos para o Pai. Mesmo quando a noite é escura e o pai leva seu filho a Moriá. Mesmo nesse dia o filho da Livre não pergunta pelo destino do filho da Escrava; nem se comparará a ele; e nem tampouco invejará qualquer que seja o seu poder histórico.

 

Os filhos da livre comem Promessa e andam em Graça. Mas os filhos da escrava só comem letras amargas e caminham em chão de inimizades.

 

O filho da Livre sabe que é livre. Mas o filho da Escrava precisa se convencer do contrário o tempo todo. Daí perseguir o que é Livre.

 

Genuína Liberdade conforme o Evangelho é o diabo para os filhos da Escrava.

 

Portanto, não se espante [caso você seja filho da Livre], pois, é chegada a hora em que os filhos da Escrava levantar-se-ão tomados de ciúmes.

 

 

Pense nisto. E quando acontecer, lembre de hoje.

 

 

Caio

 

13/08/07

Manaus

AM