Português | English

Opinião

MEUS ÚLTIMOS FILMES PREDILETOS & OUTROS...

MEUS ÚLTIMOS FILMES PREDILETOS & OUTROS...

-----Original Message----- From: Bento Souto Sent: quinta-feira, 4 de dezembro de 2003 17:31 To: contato@caiofabio.com Subject: Contato do Site : Marcados Mensagem: MATRIX Querido Caio, Graça e Paz. Continuo sendo abençoado por suas palavras. Já vi você recomendando alguns filmes. Concordei com a maioria das suas recomendações. Já assisti aos três MATRIX. Lógico que quem foi fã de Bruce Lee vai se divertir muito assistindo a trilogia MATRIX. Não sei se a sua ligação com o Jiu Jitsu te fez um apreciador dos filmes de Artes Marciais. Contudo, o que me leva a te escrever é que eu gostaria de saber se você assistiu MATRIX? O que você achou da trama filosófica? Confesso. Eu amei as similaridades de MATRIX com o mundo descrito na Bíblia e com os grandes sistemas filosóficos. Da mesma forma que gostei demais do livro do Cristovam Buarque, Os Deuses Subterraneos. Amei mais ainda a honestidade dele em dizer que não sabia como terminá-lo... Enfim, se achar relevante, nos diga sua opinião sobre MATRIX. Um forte abraço Bento Souto ******************************* Resposta: Bento, amado amigo: Paz e Saudade! Gostei muito (de-mais) do Matrix, especialmente o primeiro. Para não falar da maravilha das filmagens e efeitos especiais, quero mencionar apenas o conteúdo. Vi o filme como uma versão virtual de uma luta real, de principados e potestades. Há um profetismos escatológico na mensagem do filme. Pessoalmente eu creio que estamos iniciando esta Era. A tendência será ver o aumento desses “poderes” em ação. Dos últimos filmes que assisti, faço recomendação dos seguintes: 1. Baraka: Documentário estilo Grandioso, sem falas, mas um dos mais veementes gritos sobre a imagem de Deus no homem—para o bem e para o mal. Provavelmente seja a mais bela obra de vídeo que eu já assisti nesta vida. Você pode comprá-lo via Amazon. 2. Frida Kala: Lindo. Divertido. Humano. Plasticidade extraordinária. 3. Mediterrâneo: Italiano e belo. 4. A Fortuna de Ned: belíssimo e divertido. 5. A Promessa: Com Jack Nickolson. Uma obra maravilhosa sobre a verdade e a realidade. E como nem sempre ambas andam juntas na percepção humana, de tal modo que, muitas vezes, aquele que vê a verdade-realidade nem sempre é percebido por aqueles que enxergam a realidade envolta pelo véu do concreto. Esses foram os filmes que eu mais gostei nos últimos meses. Sobre o Bruce Lee, eu continuo fan. E o pior: minha paixão pelo Jui Jitsu é imorredoura. Não perco a nenhum Pride, Meca, e UFC. Wanderley Silva, Minotauro, Minotouro, Royce Gracie e Rickson Gracie (ambos eu conheci quando ainda erma crianças—sou amigo os irmãos mais velhos da família)—continuam sendo meus favoritos. Wanderley pela raça combinada com a técnica, e que agora melhora muito no “chão”. O Minotaura, para mim, é o mais completo entre os técnicos e batedores—casca grossa, porém refinado. Já o Royce me inspira pela gentileza: Jui Jitsu significa a arte do gentil. Pura técnica. Um artista do chão. E o Rickson, até o filho morrer e ele parar, era o mais completo de todos. Continuo amigo dos Gracie. Um deles freqüenta o Café. E há outro “filho” do clã que eu meu amigo desde 1971, e o vejo de tempo em tempo aqui em Copa. Sem falar que dois dos meus filhos já fizeram “intensivões” com eles. Os “reflexos” continuam em mim, quase intactos. Jui Jitsu virou meio que um softer que “roda” em mim. Sempre que você assistir ou ler coisas boas, me fale; pois terei prazer em assistir e recomendar aqui no site. Um beijão saudoso. Nele, Caio