Português | English

A Mente de Paulo

HUMANA SANTIDADE HUMANA

HUMANA SANTIDADE HUMANA




Certa ocasião Paulo disse que havia tido tanta aflição, que EM RAZÃO delas ele quase veio a desistir da própria vida.

Mas Deus lhe deu consolo no amor de irmãos-amigos.


Quanta humanidade!


Um apóstolo que sente aflição e que tem vontade de morrer—desistindo da vida—, é renovado em seu ânimo existencial pela presença de amigos no Senhor.


Esse homem pode dizer que era mais do que vitorioso em Cristo, mesmo que entregue e morte o dia todo.

E é estranho: é da boca desse homemzinho—Saulo: o pequeno—, que procedem as maiores certezas: Estou assentado nas regiões celestes em Cristo; haveremos de julgar os próprios anjos; ou, ainda: nenhuma dimensão ou forma de criação, nem qualquer que seja o abismo, poderá nos separar do amor de Deus que está em Cristo.


Assim, aprendemos: quanto mais humano, mais santo; e quanto mais santo, mais humano.


Disso falo bem mais em meu livro Um Projeto de Espiritualidade Integral.



Caio




01/04/2004