Português | English

Devocionais

SALVO DAS FALSAS HONRAS

SALVO DAS FALSAS HONRAS

Jesus insistiu em que nesta vida não nos empolgássemos com honra e nem nos afligíssemos com a desonra. Chegou mesmo a dizer que aquilo que é elevado entre os homens é abominação diante de Deus. Assim, aprendemos com Ele que favor e desfavor geram angústia. Honras geram dissabores para o ego que a elas se atrela e vicia. Por que é que favor e desfavor geram dissabores? Porque quem espera favor paira na incerteza, sem saber se o receberá. Quem recebe favor também paira na incerteza: não sabe se o conservará. Por isto ambas as coisas causam dissabor, tanto a favor como o desfavor. Por que é que as honras geram dissabor? Ora, todo dissabor nasce do fato de alguém ser um eu devotado ao “si-mesmo”. E não é possível contentar o ego com o “si-mesmo”. Se eu pudesse libertar-me do ego servo do “mim-mesmo”, não haveria mais dissabores para mim. Por isto, quem se mantém liberto de favores e de desfavores liberta-se da idolatria do “si-mesmo”. Só pode possuir o Reino quem esta disposto a servir desinteressado. Esse que busca o Reino em primeiro lugar, não busca nada mais em segundo. Para quem entrou no Reino todas as coisas são primeiras, e as primeiras coisas são uma só: o Reino. Desse modo, sendo o homem de fé um ser da primeira e única coisa, todas as demais lhe são acrescentadas. Caio