Português | English

Devocionais

O ESPÍRITO E O CAOS…

O ESPÍRITO E O CAOS…

 

O ESPÍRITO E O CAOS…

 

 

Quando o fogo, a fumaça, o enxofre e o cheiro do caos se espalharem sobre a terra, o Espírito se derramará como nunca antes...

Quando o sol escurecer e a lua se tornar vermelha como sangue, então o Espírito se derramará sobre toda carne...

Quando todas as ordens no céu e na terra se inverterem, e a humanidade não souber mais o que seja dia ou noite, quando paz e guerra já nem forem mais sentidos ante o estado de calamidade normal do mundo, então, o Espírito se derramará sobre toda carne.

Quando os que forem velhos estranhamente sonharem sonhos de futuro; quando os jovens sem presente profetizarem amanhãs; quando os escravos da desesperança falarem de um Novo Mundo... — então, é porque, apesar de tudo, o Espírito estará se derramando sobre todos os homens.

Quando todas as certezas humanas acabarem, e quando todas as ordens se subverterem, e quando tudo o que for fato simples e certo da existência passar a não ser, então, o Espírito se derramará sobre toda vida.

Sim, quando a prepotência, que é sempre pré-potência [um surto antecipado de poder], for dissolvida pelo esmagamento da realidade, pela falência de todos os “pré”... qualquer definições dos homens, e pela substituição de todo “pré” por todo “pós” sem nada — então, creia, o Espírito se derramará sobre toda carne.

A carne será despojada de todas as suas ilusões nos céus e na terra antes que o Espírito se derrame sobre toda carne.

Ora, assim como é no Princípio Geral da Profecia de Joel, assim também na sua aplicação existência e individual, pois, hoje mesmo, enquanto escrevo, sei que a fim de que o Espírito se derrame sobre a minha carne, a minha vida, a minha história..., antes todas as minhas ilusões e seguranças humanas têm que me ser arrancadas...; seja de fato, seja apenas como fato da sua desconstrução em importância dentro de mim.

A terra estava sem forma e vazia..., mas o Espírito pairava em vibração criadora sobre as águas do caos...

É assim desde sempre...

É assim hoje...

Será assim amanhã...

O Espírito mantém os jardins desta vida, mas em geral Suas grandes criações acontecem na impossibilidade de qualquer coisa acontecer.

O caos e a impotência são os ambientes mais adequados para as grandes manifestações e derramamentos do Espírito Santo, do Espírito da Vida.

Se seu mundo está assim, sem forma, vazio, com o sol escuro em cima, e a luz pingando sangue à noite..., enquanto você sente o cheiro da fumaça e do enxofre do fogaréu dos enganos deste mundo — creia: é o tempo ideal para o Espírito se derramar sobre você.

 

Nele, que age quando parece que nenhuma ação será possível,

 

Caio

22 de maio de 2009

Lago Norte

Brasília

DF